Simbologia de fluxograma de processos sem mistérios

Muitas pessoas acham que a notação BPMN esconde segredos e mistérios. Na verdade, ela é a notação mais usada e aceita no mundo, exatamente pela facilidade de uso e a característica intuitiva da simbologia de fluxograma de processos empregada.

Nesta postagem você vai conhecer as 5 categorias de elementos da simbologia de fluxograma de processo BPMN, além de detalhes sobre alguns de seus símbolos e como usar em seus diagramas de processos.

Saiba mais: Porque e como usar a mais aceita notação BPMN 2.0

As 5 categorias de elementos da simbologia de fluxograma de processo BPMN

1- Elementos de fluxo

Definem quando um processo se inicia, quando termina, quais as tarefas que ocorrem e os desvios no fluxo e tarefas. São eles que indicam o conteúdo do processo.

Início:

Representado por uma esfera verde, pode ser de vários tipos, entre eles:

Simbologia de fluxograma de processo

O evento de início múltiplo indica que o processo pode se iniciar de diversas formas diferentes, por exemplo, por um telefonema de um cliente ou por uma solicitação interna de outra área.

Já no evento de início paralelo, é preciso que mais de uma condição ocorra, por exemplo, tanto é preciso que um cliente telefone como que o início do processo seja aprovado internamente por outra área.

Existe também um símbolo específico para uma mensagem que inicia o processo, entre tantos outros.

Fim:

Indicado por uma esfera vermelha, também pode ser de vários tipos, veja alguns deles:

Simbologia de fluxograma de processoO evento final múltiplo indica que o término do processo desencadeará diversas consequências, já o encerramento mostra que quando este evento ocorrer, todos as demais tarefas do processo devem ser encerradas.

Eventos:

Simbolizados por uma esfera azul, também podem ser de vários tipos, alguns deles representados abaixo:

Simbologia de fluxograma de processoO evento condicional só pode ocorrer em função de determinada condição ser verdadeira; e o de compensação é utilizado quando é preciso compensar uma atividade anterior do processo.

Tarefas:

São representadas por caixas retangulares com bordas arredondadas e mostram as ações que devem ser desempenhadas, também podem ser de diversas modalidades, tais como:

Simbologia de fluxograma de processo

Tarefas manuais são aquelas que não são executadas em um sistema de workflow. Exemplo: servir o cafezinho.

Tarefas de envio e recebimento são usadas para sincronizar processos.

As tarefas de regras de negócio seguem uma determinada regra pré-estabelecida e as manuais são executadas sem ajuda de softwares ou sistemas.

Também existem as tarefas de serviço que podem ser utilizadas para integrar sistemas de informação, normalmente feito com a tecnologia de web services.

Desvios ou gateways:

Indicados por losangos amarelos, seus tipos são dos mais diversos.

Simbologia de fluxograma de processo

Os desvios exclusivos são aqueles em que apenas um dos ramos de saída prosseguirá com seu fluxo de tarefas. Este é o tipo mais comum usado na modelagem de processos de negócio.

Já no paralelo, dois ou mais ramos de sequências de tarefas se abrem e ocorrem simultaneamente.

Os inclusivos são aqueles em que os fluxos possuem uma condição e, assim como o paralelo, é possível gerar ramificação concorrentes no fluxo.

Para ver ainda mais tipos de desvios conforme são usados na simbologia de fluxograma de processo BPMN, confira este post de nosso blog: Gateways: exclusivos, inclusivos e muitos outros!

2- Raias e piscinas

São os locais onde se colocam os elementos de fluxo e os conjuntos de atividades, dividindo-os em raias que representam os departamentos ou participantes responsáveis por determinadas tarefas.

As piscinas servem para representar um processo em um determinado participante. É possível existir mais de uma piscina em um diagrama e elas são sincronizadas com elementos do tipo envio-recebimento (Tarefa Envio, Tarefa Recebimento, Intermediário de Envio etc).

Simbologia de fluxograma de processo

Entenda em mais detalhes como funcionam as piscinas e raias: Swim Lane BPMN e Pool Line BPMN: mergulhe nestas dicas!

3- Conectores

Os elementos de fluxo precisam ser conectados para que se saiba a sequência das tarefas e o tipo de relação entre cada elemento do processo.

Vela seus tipos:

Troca de mensagens:

Conecta piscinas e descreve colaboração entre participantes.

Simbologia de fluxograma de processo

Fluxo de sequência

Conecta elementos de fluxo e constitui o principal conteúdo do fluxo.

Simbologia de fluxograma de processo

Associação:

Conecta objetos de dados a uma tarefa. Está relacionado com a documentação do processo.

Simbologia de fluxograma de processo

4- Elementos de dados

Indicam como os dados são manipulados, armazenados e consultados pelos agentes dos fluxos, veja alguns exemplos:

Simbologia de fluxograma de processo

5- Artefatos

Algumas tarefas precisam ser documentadas por artefatos (notas e agrupamentos), tornando o fluxo do diagrama mais claro para o leitor.

Confira com se simboliza uma nota:

Simbologia de fluxograma de processo

Se você quer entender ainda melhor como funciona a simbologia de fluxograma de processo BPMN, assista a esta aula sobre modelagem BPMN:

Aula de Modelagem BPMN com HEFLO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu