A matriz de maturidade digital do modelo de transformação digital

Para se encaixar em um modelo de transformação empresarial, as empresas precisam, antes de tudo, descobrir em que estágio de maturidade digital se encontram para, a partir daí, definir estratégias, táticas e ações que possam fazê-las evoluir e adotar uma política efetiva de transformação digital.

Nesta postagem você vai conhecer uma matriz do modelo de transformação empresarial para classificar a maturidade digital de sua empresa e, como isso, determinar que providências tomar em seu negócio.

Veja também: Onde se apoiar e que agentes usar para a transformação digital

Modelo de transformação empresarial: qual a maturidade digital de sua empresa?

Os modelos de transformação empresarial, atualmente, não podem fugir do foco digital. Isso porque a tecnologia tem cada vez mais um papel preponderante no gerenciamento das empresas.

A realidade é que uma empresa que não esteja inserida no universo tecnológico digital está fora do jogo e não tem condições de competir em um mercado cada vez mais dominado por tecnologias integradoras e que geram um alto grau de colaboração no trabalho e produtividade.

Além disso, os novos profissionais já chegam ao mercado com uma cultura digital bastante madura, com domínio das ferramentas disponíveis na nuvem e acostumados a trabalhar de forma colaborativa e se relacionar por meio de redes.

Não usar todo potencial dessa mão-de-obra é um grave desperdício de recursos que sua empresa não pode ser dar ao luxo de cometer.

Nesse sentido, a adoção de um modelo de transformação empresarial deve fazer parte de seus objetivos, para que sua organização se adeque a este cenário competitivo ao qual não há como se opor. A única alternativa viável é se integrar a ele por meio da tecnologia.

Mas como definir qual o grau de maturidade de sua organização para determinar as estratégias de transformação?

Para isso, criamos uma matriz de maturidade digital.

Como classificar sua empresa na matriz de maturidade digital

A matriz é composta por dois eixos.

Eixo Vertical:

Neste eixo é preciso definir qual o grau de integração de suas equipes e colaboradores na empresa em função do uso da tecnologia. Os graus podem ser alto, médio ou baixo.

  • Assim, se sua empresa usa apenas e-mails, chats e drives compartilhados, o grau de integração é baixo.
  • Se além desses recursos ela usa ferramentas SaaS, como softwares de CRM, automação de marketing, BPM, ERP, gestão de projetos e equipes, ela tem um grau de integração médio.
  • Por fim, se somadas a essas tecnologias, outras como Inteligência Artificial e Big Data fazem parte do repertório de sua organização, o grau de integração é alto.

Eixo Horizontal:

O eixo horizontal deste modelo de transformação empresarial vai definir o grau de influência da área de TI nas decisões estratégicas da empresa.

  • Se a área de TI se restringe a dar suporte, cotar e adquirir hardwares e softwares, e atender demandas tecnológicas solicitadas por outras áreas, seu grau de envolvimento estratégico é baixo.
  • Se a área de TI conta com um departamento estruturado, que não apenas responde às demandas e presta suporte, mas também faz sugestões de novas tecnologias e formas de tornar o trabalho mais produtivo e integrado, o grau de decisão estratégica é médio.
  • Se este departamento de TI tem status de diretoria e não se restringe apenas a atender demandas, mas atua de forma colaborativa e integrada com outras diretorias, inclusive solicitando entregas para exercer seu trabalho, o grau de participação estratégica de TI é alto.

Assim, descobrindo em que área da matriz sua empresa se encontra, é possível determinar um modelo de transformação empresarial mais adequado para seu negócio chegar a maturidade digital, veja:

Modelo de transformação empresarial: matriz de maturidade digital

modelo de transformação empresarial

É claro que como todo modelo teórico, esta sugestão de ações práticas de nosso modelo de transformação empresarial deve ser adaptada caso a caso.

O importante é levar em conta que sem uma área de TI forte e que seja reconhecida como autoridade na empresa sobre este assunto, e sem uma cultura digital estabelecida, baseada na colaboração, integração e no uso da tecnologia por parte dos integrantes da empresa, não há como promover a transformação digital.

Portanto, analise cuidadosamente a situação de sua organização, use a matriz como referência e desenvolva um plano próprio de atuação rumo à maturidade digital.

Saiba mais: Modelos de gestão da mudança organizacional consagrados pelo mercado

A transformação digital necessariamente vai alterar a maneira como os processos acontecem em sua empresa. Nesta hora é importante contar com uma ferramenta tecnológica que propicie agilidade e controle. Leia mais sobre automatização de processos de negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu