Gestão de indicadores financeiros: 6 dicas valiosas para colocar em prática agora mesmo

Você sabe quanto sua empresa tem em caixa hoje e quanto terá daqui uma semana ou um mês?

E seu endividamento? Quanto tem de empréstimos em bancos? Quanto vai vencer em curto prazo e em longo prazo?

E seu lucro, você sabe dizer – de verdade – o quanto sua empresa faz de lucro, ou tem apenas uma ideia aproximada?

Em outras palavras: como você tem feito a gestão de indicadores financeiros da sua empresa?

Os indicadores financeiros são importantes ferramentas que mostram a evolução das suas estratégias e se há necessidade de realizar determinados ajustes, como medidas de redução de custos, por exemplo.

Assim, eles fornecem informações valiosas sobre os resultados da empresa, as quais servirão como base para futuras tomadas de decisão.

No caso dos indicadores financeiros, eles são especialmente importantes. Isso porque eles tratam de um aspecto essencial para a sobrevivência de qualquer negócio: o dinheiro.

Pensando nisso, separamos aqui 6 dicas de como fazer uma gestão de indicadores financeiros mais eficiente.

Continue a leitura e saiba quais boas práticas você deve seguir para assegurar a saúde das finanças da sua empresa.

Você conhece alguns indicadores financeiros? Então, confira este vídeo da Siteware:

6 dicas para a gestão de indicadores financeiros

1 – Alinhe os indicadores aos objetivos estratégicos da empresa

A primeira dica para uma eficiente gestão de indicadores financeiros é promover o alinhamento entre estes e os objetivos estratégicos da empresa.

Se, por exemplo, o objetivo estratégico da empresa é aumentar sua participação no mercado, todos os indicadores financeiros precisam apontar para essa direção. Assim, ficará mais fácil chegar aonde se quer.

2 – Acompanhe os indicadores constantemente

Uma boa gestão de indicadores financeiros precisa contar com um acompanhamento constante desses números. Dessa forma, procure monitorar os resultados apresentados pelos indicadores para que você não seja pego de surpresa.

Além disso, antes de tomar qualquer decisão importante e delicada com base nesses indicadores, espere. Isso porque alguns resultados podem flutuar bastante durante determinado período antes de se estabilizarem. Assim, você poderá ser mais assertivos nas suas decisões.

3 – Documente todos os resultados

Documentar todos os resultados dos indicadores financeiros é de fundamental importância para uma gestão eficiente da empresa. Ao fazer isso, você estará criando um valioso banco de dados e, no futuro, poderá identificar padrões antes de decidir sobre algum assunto sensível.

Se, por exemplo, os resultados do indicador de ticket médio têm aumentado nos últimos anos, talvez seja hora de investir em uma estratégia de expansão dos negócios. Ou seja, não se limite aos dados mais recentes dos seus indicadores financeiros.

4 – Não avalie os indicadores financeiros isoladamente

Avaliar os indicadores financeiros de maneira isolada é um erro que você não pode cometer. Isso porque os resultados de cada indicador exercem influência entre si. O faturamento se relaciona com o ticket médio que, por sua vez, se relaciona com fluxo de caixa.

Portanto, procure ter uma visão sistêmica na hora de fazer as avaliações dos seus indicadores. Assim, você terá uma visão mais completa sobre a atual situação financeiro do seu negócio.

5 – Considere os outros departamentos na avaliação dos indicadores financeiros

Os resultados dos indicadores financeiros também têm a ver com a performance dos outros departamentos da empresa. Voltando ao exemplo do ticket médio, para que ele esteja em um nível satisfatório, é necessário que os indicadores de atendimento, fidelização e marketing também apresentem bons resultados.

Ou seja, o cliente tenderá a gastar mais na sua loja se ele estiver satisfeito com o atendimento e se as estratégias de marketing conseguirem despertar nele o desejo por seus produtos e serviços.

Os indicadores financeiros permeiam toda a organização e, por isso, não podem ficar apenas sobre os ombros do departamento de finanças.

6 – Invista em um software de gestão

A tecnologia pode ser uma importante aliada na gestão de indicadores financeiros. Nesse sentido, invista em um software que possa automatizar o acompanhamento e a análise dos seus indicadores.

Com um bom sistema, você terá a acesso a relatórios e gráficos, em tempo real, sobre os resultados alcançados. Isso possibilita um monitoramento mais efetivo do progresso de suas estratégias.

Um software de gestão de indicadores faz o cruzamento de dados e te permite ter insights valiosos sobre os rumos e decisões que você deve tomar.

Além disso, os colaboradores poderão visualizar melhor os indicadores e compreender com mais clareza a importância do papel que cada um desempenha na busca por melhores resultados. Isso aumenta o engajamento e a motivação dos funcionários.

Essas foram as nossas 6 dicas de como promover uma gestão de indicadores financeiros mais eficiente. Coloque-as em prática na sua empresa e tenha maior controle sobre os seus resultados.

* Este post foi escrito pela equipe do Qipu uma solução de contabilidade online usada por mais de mais de 400 mil empreendedores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu