Agile marketing para um time de sucesso

Agile é uma metodologia inicialmente utilizada por times de desenvolvimento de software. Seu principal objetivo é realizar entregas rápidas e recorrentes, focar nas pessoas, tanto quanto falamos nas necessidades do usuário, da equipe e seus aprendizados. Testar. Errar. Aprender com o erro. Acertar. Melhorar. Testar outra coisa e assim ao infinito. Nesse universo você vai encontrar muitos conceitos, termos, ferramentas, debates, gurus, modismos e outros.

“Depois que comecei a ter um pensamento ágil tomei mais coragem para fazer e errar. Pra não ser perfeita e aceitar que isso é normal. Que posso aprender com isso. E não, esse sentimento não está só no meu dia a dia de trabalho. Veio pra minha vida.”

Para se familiarizar um pouco com tudo isso, você pode recorrer a esse texto, mas não fique tenso, ao longo desse post você vai ver que tudo faz sentido e vai descobrir como usar o Agile para muito além do desenvolvimento de software. E ainda, saber como usar essa abordagem em qualquer que seja seu time e até mesmo na sua vida. Posso confessar? Depois que comecei a ter um pensamento ágil tomei mais coragem para fazer e errar. Para não ser perfeita e aceitar que isso é normal. Que posso aprender com isso.  E essa disponibilidade para arriscar e errar não está só no meu dia a dia de trabalho. Veio para a minha vida. Espero que você leve para a sua também!

Não é preciso ser programador para ser ágil

Apesar de ter iniciado com foco em desenvolvimento de software – você pode conhecer o manifesto ágil aqui – agile pode ser usado para tudo na sua vida! No livro Scrum: a arte de fazer o dobro do trabalho na metade do tempo, do Jeff Sutherland, que fala sobre a metodologia ágil Scrum pelo seu próprio criador, tem um relato que eu gosto muito. Na verdade, gosto do livro todo, mas essa parte em especial:

“Eu já vi o Scrum ser usado com sucesso para fabricar carros, gerenciar uma lavanderia, dar aulas, construir foguetes espaciais, planejar um casamento – e até, como minha esposa o usa, para se certificar, nos fins de semana, de que a lista de afazeres domésticos que ela me passou foi cumprida.”

Marketing tradicional x Agile Marketing

Quando pensamos na realidade atual das empresas percebemos que estamos sempre lutando contra o tempo, buscando o máximo de performance e dinamismo para mudanças rápidas que atendam as necessidades do mercado. Nesse contexto, métodos de trabalho engessados, que focam apenas em ações grandes e pontuais acabam não fazendo sentido, tanto em nível de negócio, gestão e até mesmo marketing. Profissionais de marketing adaptaram  a abordagem ágil para sua utilização, e com isso, conseguimos perceber um aumento significativo no interesse por ela.

Manifesto do Agile Marketing conta com 7 valores:

  1.       Aprendizado validado é mais importante que opiniões e convenções
  2.       Colaboração centrada no cliente é mais importante que silos e hierarquia
  3.       Campanhas adaptativas e incrementais são mais importantes que grandes campanhas
  4.       Processo de descoberta do cliente é mais importante que predição estática
  5.       Planejamento flexível é mais importante que planejamento rígido
  6.       Responder à mudança é mais importante que seguir um plano
  7.       Muitos pequenos experimentos são mais importantes que poucas e grandes apostas

Como podemos observar, a abordagem é voltada para uma tomada de decisão horizontal focada em experimentos e aprendizado, em pequenas ações que incrementam resultados e principalmente com foco em pessoas, seja quando falamos em colaboração da equipe ou cliente. Comparada a programas de marketing tradicionais que focam em planejamentos anuais com campanhas e lançamentos pontuais e grandiosos podemos perceber uma diferença muito significativa, não é mesmo?

Foco no usuário para gerar melhores resultados

Quando falo em focar nas pessoas é sobre realmente entender suas necessidades, motivações, expectativas, resolver seus problemas. Para isso, precisamos estar em contato com o cliente, conversar, entender sua realidade para gerar soluções que realmente atendam ao que eles precisam e não sejam mais meros projetos grandiosos, fantásticos e maravilhosos – para nós – que na verdade não gera valor ao cliente. Nessa perspectiva, passamos a realizar pequenas ações que testam hipóteses para entendermos se isso gera valor e só então escalarmos as ações. Assim, economizamos esforço de produção e investimentos em ações que não geram resultados, conseguimos entender os melhores caminhos para focar em ações efetivas e entregamos valor de forma rápida e contínua.

Diga Sim aos testes, Não ao HIPPO

Outro ponto importante é que quando passamos a tomar decisões baseados em testes e resultados e eliminamos as aprovações dos conhecidos HiPPO, acrônimo de Highest Paid Person’s Opinion, ou Opinião da Pessoa Mais Bem Paga. É muito comum a valorização da opinião de pessoas em alto cargos, que reforça a hierarquia e construção de silos em torno de poucos indivíduos com poder de decisão.  No entanto, quando  distribuímos a tomada de decisão de forma mais horizontal empoderamos a equipe e fomentamos a colaboração, o que resulta em aprendizado e novas soluções. Afinal, nem todas as hipóteses estarão certas, mas elas gerarão conhecimento e cada vez mais confiança para testes e inovação.

Agile Marketing na prática: como aplicamos na KingHost

Na KingHost, a implementação da abordagem ágil vem surtindo muitos resultados positivos no time de marketing. Nossos times de desenvolvimento já trabalhavam com o desenvolvimento ágil há bastante tempo o que encorajou ainda mais o time a partir para o agile também.

“O maior aprendizado sobre o que dá certo e errado foi descoberto na prática.”

Alinhamos entre a equipe as cerimônias e papéis que adotaríamos adaptando o uso do Kanban e do Scrum para a nossa realidade. Definimos o objetivo para uma Sprint teste e já partimos para a ação. É claro, que ao longo desse tempo eu venho estudando, participando de eventos, conversando com pessoas mais experientes e fazendo o máximo possível para angariar o maior volume de conhecimento e melhorar cada vez mais nosso processo de trabalho, mas pra ser honesta, o maior aprendizado sobre o que dá certo e errado foi descoberto na prática. E a verdade é que estamos em constante evolução. Continuamos testando novas coisas no nosso processo de trabalho para alcançar resultados melhores.

Estamos trabalhando com a abordagem ágil há aproximadamente oito meses e de lá pra cá ganhamos muito mais velocidade nas nossas entregas, solucionamos muitos problemas de comunicação e hoje trabalhamos de uma forma muito mais colaborativa. Como trabalhamos com metas mais curtas (por Sprint), conseguimos avaliar muito mais rápido o que gera resultados e aprendemos a cada ação o que devemos ajustar para as próximas. Também passamos a realizar mais testes, o que nos deu base e segurança para colocar em prática ações fora da nossa zona de conforto.

“Não espere estar perfeito, pois nunca vai estar. Então comece errando, aprenda, melhore. Você vai errar. Esteja preparado para isso e não desanime, pois você vai acertar também.”

Por isso, incentivo fortemente que você não demore para começar. Não espere saber tudo o que você precisa para ser um expert. A cada novo dia você vai se deparar com uma dificuldade nova, com um desafio novo e com algo que você não pensou ou não estava preparado. Não espere estar perfeito, pois nunca vai estar.  Então comece errando, aprenda, melhore. Você vai errar. Esteja preparado para isso e não desanime, pois você vai acertar também e logo nem vai entender como já conseguiu trabalhar de uma forma diferente.

Caterine Greif –  Entusiasta de Agile Marketing, é formada em Relações Públicas pela PUCRS, possui especialização em Marketing Digital pela ESPM e MBA em Gestão de Projetos pela USP. Com certificação em AdWords e Analytics pelo Google e Inbound Marketing pela Hubspot, possui 10 anos de experiência em comunicação e marketing digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu